NOSSA CULTURA

São Cristóvão é uma das referências culturais do Estado. Música, Artes Plásticas, Artesanato, Teatro, Folclore e outras manifestações populares estão presentes na cidade. E para celebrar essa riqueza cultural, todos os anos, São Cristóvão se torna o palco de um dos maiores festivais de arte do país, o Festival de Arte de São Cristóvão, que teve início na década de 1970. Desde então, uma vasta programação que inclui cursos, seminários, oficinas, palestras, shows, concertos, exposições, espetáculos de dança e teatro acontece, enquanto grupos folclóricos se apresentam pelas ruas. E como culinária também é arte, destacamos as queijadinhas, os biscoitos Bricellet, os licores e outros sabores próprios da cidade e de seus moradores.

São Cristóvão espera por você.
História, Arte e Arquitetura

A CIDADE

São Cristóvão foi a primeira capital de Sergipe. Fundada em 1590, é a quarta cidade mais antiga do país.

Com população em torno de 80 mil habitantes, São Cristóvão está às margens do Rio Paramopama, a 23 km de Aracaju, capital sergipana. Do ponto mais alto da cidade, dá para observar os belos cenários naturais, mas é a sua monumentalidade arquitetônica que chama a atenção, com destaque para as edificações coloniais, razão pela qual foi objeto de ações do Estado, desde a década de 1940 – nessa época, aconteceram os primeiros tombamentos.

Em 1967, São Cristóvão teve seu conjunto urbano tombado pelo Iphan e, mais recentemente, em 2010, a Praça São Francisco foi reconhecida como Patrimônio Histórico da Humanidade, pela Unesco.